MINHA META

Desde o princípio


Só na casa dos 60
Quem faz dieta tem uma surpreendente capacidade de se enganar a respeito da alimentação. Lembre-se das outras vezes que você fez dieta e responda: Você deu uma desculpa esfarrapada a si mesmo para comer? Você pensava:
-Só vou comer isso dessa vez.
-Ahh, é só esse pedaço.
-Esse pedacinho não vai comprometer minha dieta.
-Ninguém me verá comendo isso.
-Estou comemorando.
-Estou muito chateado e preciso compensar em algo.
-Todo mundo está comendo, fica chato eu não comer.
-Será uma desfeita se eu recusar.
-Mais tarde eu compenso comendo menos.

Esses pensamentos iludem você e o levam a comer o que não deveria. Além disso, caloria é caloria, não importa quando, onde ou porque você esteja comendo. Talvez agora, lendo isso, você perceba a irracionalidade dessas idéias, mas na hora que realmente quer comer, pode tentar se convencer que esses pensamentos são válidos.

Pensamento sabotador: Na próxima vez que você sentir impulso para comer alguma coisa, observe o pensamento que está passando pela sua cabeça naquele momento. Preste atenção nos pensamentos que começam com a frase: Tudo bem eu comer isto porque...
Resposta adaptativa: Esses pensamentos são auto-ilusórios. Eu preciso me tornar mestre em resistir a alimentos não-planejados. Se eu realmente quiser emagrecer e permanecer sempre magro, eu simplesmente não posso comer o que quiser, a menos que faça parte do meu planejamento.

Outra forma de nos enganarmos é subestimando a quantia daquilo que comemos. Também nos iludimos quando fazemos uma estimativa do tamanho da porção de comida que colocamos no prato, em vez de mensurá-la. Ou então quando anotamos nossa refeição "esquecemos" de anotar algum ingrediente do preparo (como o óleo). Como exercício, a autora sugere que você se sirva de sua porção sem medí-la, depois pese-a com uma balança de cozinha para conhecer sua noção de tamanhos.

Das outras vezes em que fiz dieta notei que, no início, minhas porções eram pequenas, mas que aos poucos ela iam crescendo. Uma colher de arroz rasa virava uma colher de arroz cheia, quase transbordando, e assim por diante. Assim, desta vez comprei uma coleção de colheres e xícaras de medida na loja de 1,99 e meço tudo, para não me descontrolar... Porque sei que não tenho a mínima ideia de porções. Bem, como já sei que me engano desta maneira, tarefa cumprida! Quanto aos pensamentos enganadores, infelizmene eu não os tenho. Sempre que como algo fora do planejado sou invadida pela culpa, não consigo me enganar... Não sei se isso é bom ou ruim, mas é como sou! Então, tarefa cumprida!

Para amanhã as tarefas são:
1) Ler a lista das razões que tenho para emagrecer e outros Cartões de Enfrentamento, quando precisar;
2) Sentar-se na cozinha para comer, comendo devagar, prestando atenção e saboreando os alimentos;
3) Planejar a alimentação, mensurar os alimentos e preencher o Jornal Pessoal logo após comer, evitando a alimentação não planejada;
4) Agendar atividades físicas mantendo-me firme no plano de exercícios escolhido;
5) Ficar atenta a meu corpo para conseguir diferenciar fome, vontade e desejo incontrolável de comer;
6) Não esquecer: EU TENHO A CAPACIDADE DE ESPERAR ATÉ A PRÓXIMA REFEIÇÃO!
7) Elogiar-me e dar uma moeda a cada atitude correta frente ao emagrecimento, para poder comprar um presente a cada 2 quilos emagrecidos;
8) Refletir sobre minhas experiências alimentares para fortalecer meus hábitos bons e aprender sobre meus erros;
9) Estar atenta à minha sensação de saciedade, parando de comer assim que estiver satisfeita;
10) Voltar aos trilhos (20ª Tarefa).

Mais informações sobre o livro "Pense Magro", olhem a reportagem da Veja sobre o livro neste post.

11 comentários:

Andrea Aoki disse...

HAHAHAHA, com certeza quem já não fez isso né? Até aquela coisa, vou comer escondido, ninguém vê e nem eu, rsrs, ai q coisa né? Cada uma q a gente apronta, afeee, pq a gente tem essa mania de tudo querer comer?
Comer pq tá feliz, pq tá triste, pq tá angustiada, ansiosa, afeee, quero me livrar disso e vamos conseguir =D

Beijos e ótima quarta Nath!!!

Mariana disse...

Ai ai ai. Faço isso sempre amiga. Mas estou me policiando mais, pois sei que meu sucesso só depende de mim.
Bjuss

Ju Facchin disse...

E igual bebado, qualquer coisa é motivo pra boca ficar nervosa, e a auto sabotagem rola solta, acho que no fundo é falta de saber o que realmente se quer.
Pode copiar a tabela sim, ela foi meia copiada por ai rsrsrs, do zero nao dou conta de fazer tudo nao.
Bjs e boa quarta.

eydy disse...

axo que todas ja fizemos isso
rsrsrs
bjim

paty ex- gordinha disse...

Amiga me vi varias vezes nesse texto,kkkkkkkkk
mas tenho que aprender a me controlar mas.
mil bjos

Pequeno Falcão disse...

Adorei seu post! será que posso imprimir e guardar? tuas dicas são valiosas e a foto antes e depois diz TUDO. Parabéns!

Lídia Carla disse...

Adorei a lição de hoje.
Estou com muito pensamentos sabotadores.
Beijos!

Tamara Araújo disse...

tipo eu, como uma porcaria aqui outra acolá e depois digo que vou malhar ou ei lá... na verdade to so me enganando :/
um beijo amiga

deixandodesergg@hotmail.com disse...

comogo nao e diferente.quando começo a dieta faço direitinho mas se deslizo e motivo pra mim jacar o dia todo ,ou começar a dieta sempre na segunda,exercicios quando para paro de uma vez.eu sou oito ou oitenta eo faço certo ou faço errado
sei tudo q e bom o q engorda,emagrece e esmo assim continuo errando.meu marido diz nao sei pra q tanta informaçao e eu nao pratico.
bjssssss

Priscila disse...

Ola... esse pense magro é um livro né? estou pensando em compra-lo, to começando a gostar dele...rsrsrs!!

1000Bjos

Claudinha disse...

Olá, td bem?

Assim como vc estou na luta!
Gostaria que me fizesse uma visita e se puder, me seguir! Assim podemos trocar experiencias e nos ajudar!
Ficaria muito feliz com sua presença em meu blog!

Bjs

Claudinha ♥

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Seu incentivo é muito importante para mim!

Related Posts with Thumbnails